Carrinho 0

O que é o teste do pezinho?

cuidados com bebê

Quando o bebê nasce, há diversas vacinas e exames muito importantes para prevenir e diagnosticar possíveis doenças. Dentre esses procedimentos, podemos destacar o teste do pezinho que é essencial para detectar condições metabólicas e genéticas. Entenda melhor o que é esse teste e como ele é feito, abaixo!

O que é o teste do pezinho e qual sua importância?

O teste do pezinho é um exame utilizado para diagnosticar doenças de origem genética, metabólica ou infecciosa, que não são detectáveis quando o bebê é recém-nascido. Através dele, é possível iniciar o tratamento precoce destas patologias, reduzindo as chances de lesões irreversíveis que podem ser causadas por essas doenças.

Quando e como é realizado o teste do pezinho?

Com quantos dias de vida é feito o teste do pezinho e quantas doenças ele mostra?

O teste do pezinho deve ser realizado entre o segundo e quinto dia de vida do recém-nascido, podendo o prazo ser estendido até 90º dia.

Realizar este exame dentro deste período é muito importante para o diagnóstico e a intervenção precoce, reduzindo possíveis atrasos no desenvolvimento e até mesmo o óbito. Além disso, um teste realizado fora do prazo pode ter sua efetividade reduzida.

O exame é realizado através da coleta de gotinhas de sangue, diretamente do pé do bebê. Esta parte do corpo possui uma alta vascularização, apresenta fácil acesso e traz menores riscos para o recém-nascido.

Tipos de teste do pezinho

Atualmente, há diversos tipos de testes do pezinho disponíveis. Infelizmente, na rede pública de saúde, somente o mais básico é oferecido. No entanto, recentemente, o Governo Federal aprovou uma lei que amplia o teste, possibilitando o diagnóstico de 53 enfermidades.

O teste mais básico é capaz de diagnosticar seis doenças, mas há outros que identificam 12, 30, 33, 38, 60 e os mais completos que possibilitam o diagnóstico de mais de 100 patologias.

Sendo assim, é possível que o neonatologista indique um exame mais adequado para o seu bebê!

Algumas doenças que podem ser identificadas

O teste do pezinho pode identificar variadas doenças dependendo do seu tipo. Veja abaixo algumas delas!

Fenilcetonúria

É uma alteração que possibilita um acúmulo de fenilalanina no sangue, ocasionada por uma deficiência na enzima que degrada a fenilalanina. Como a fenilalanina pode estar presente em carnes e ovos, esses alimentos podem ser tóxicos para crianças com esse diagnóstico.

Hipotireoidismo congênito

Bebês com hipotireoidismo congênito não produzem quantidades hormonais suficientes para o seu desenvolvimento, o que pode ocasionar danos neurológicos.

Deficiência de biotinidase

É uma doença que prejudica a reciclagem da biotina no organismo, causando atrasos no desenvolvimento e problemas na coordenação motora.

Fibrose cística

É uma patologia que ocasiona a produção de uma grande quantidade de muco no sistema respiratório, podendo gerar complicações à saúde da criança.

Anemia falciforme

A anemia falciforme é uma doença genética que causa alteração na forma das células sanguíneas, o que pode ocasionar atrasos no desenvolvimento de alguns órgãos pela dificuldade do transporte de oxigênio a determinadas partes do corpo.

Hiperplasia adrenal congênita

Essa doença causa alterações hormonais na criança, ocasionando diversos problemas físicos.

 

Agora que você sabe da importância do teste do pezinho, não deixe de fazê-lo no tempo correto. Assim que identificada alguma alteração, o tratamento deve ser feito imediatamente. É uma picadinha que pode salvar a vida do seu bebê!



Postagem anterior Postagem seguinte


Deixe um comentário

Observe que os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados