Carrinho 0

Por que o bebê chora?

cuidados com bebê

Por que o bebê chora? Quais são os principais motivos?

Quais motivos levam o bebê a chorar?A chegada de um bebê traz muita alegria, mas também grande apreensão quanto a sua saúde e bem-estar. Por que o bebê chora? O que posso fazer durante esses episódios? Como identificar o que a criança precisa? Essas são algumas das muitas dúvidas dos pais durante os momentos de choro.

Nesse sentido, é necessário esclarecer que o bebê irá chorar por qualquer desconforto, pois é a maneira que ele possui de se comunicar com seus cuidadores. Entretanto, mesmo possuindo essa informação, é muito importante entender o porquê do choro e solucioná-lo para manter o conforto do pequeno.

Para saber quais são os principais motivos que levam ao choro do bebê e como solucioná-los, acompanhe a leitura.

Por que o bebê chora? Entenda os motivos!

Fome

Por ter um estômago pequeno, o bebê se alimenta pouco e várias vezes ao dia. Por isso, geralmente precisa ser amamentado a cada duas ou três horas. Nesse sentido, o choro de fome pode ser identificado pela constante procura pelo seio e outros sinais como o colocar a mão na boca.

Sono

As sonecas são muito importantes para o desenvolvimento e para manter a tranquilidade da criança. No entanto, a maioria dos bebês não são capazes de dormir por conta própria e necessitam da ajuda de seus pais ou cuidadores para descansarem. Por isso, costumam reclamar quando estão com sono.

Fralda suja

A fralda suja pode ser um dos motivos para o choro, principalmente, se seu bebê estiver com assaduras. Por isso, sempre verifique se o bebê está limpo e seco.

Necessidade de arrotar

Ao ser amamentado no seio ou mamadeira, o bebê pode ingerir ar, fazendo com que seja necessário arrotar após a alimentação. O choro por esse motivo pode ocorrer ao colocar a criança deitada após a alimentação, demonstrando desconforto pela posição. Para solucionar, basta segurar o bebê em pé por alguns minutos.

Dor

O choro de dor é caracterizado por gritos ou algumas modificações de comportamento. Enquanto crianças mais calmas podem apresentar episódios de choros mais desesperados, os bebês agitados tendem a ficar apáticos. Identifique essas modificações comportamentais, procure por outros motivos e busque um médico caso não consiga solucionar o desconforto.

Falta de colo

A solidão e falta de afeto também podem ser causas de choros em bebês e crianças. Isso acontece porque os pequenos se sentem inseguros na ausência de um adulto. Dessa forma, é importante manter o contato físico com seu bebê sempre que houver algum sinal de desconforto.

Temperatura desagradável

Sentir frio ou calor é muito ruim, não é mesmo? Imagine quando não é possível falar! Para solucionar essas questões verifique sempre a barriguinha do bebê. Caso esteja quente demais, pode tirar um pouco a quantidade de roupas. Se estiver fria, é preciso agasalhar mais o bebê.

Dentes

Outro motivo que pode ocasionar episódios de choros nos bebês é o nascimento dos dentes. Dessa forma, se seu bebê está incomodado, babando demais e colocando objetos na boca com frequência, vale analisar a gengiva e verificar se há algum dentinho apontando.

Estímulo em excesso

Uma criança muito estimulada pode ficar irritada e ter dificuldades para dormir. Por isso, caso o bebê esteja desconfortável após um dia com muitos barulhos, luzes e visitas fora da rotina, leve-o para um local reservado e tentar acalmá-lo.

Falta de estímulo

Do mesmo modo, uma criança que não recebe estímulos pode ficar apática e irritada. Dessa maneira, é muito importante realizar brincadeiras adequadas à idade da criança, fazer passeios e estimular habilidades como engatinhar, andar e falar, respeitando a fase do bebê.

Susto e medo

Bebês são inseguros, por isso, qualquer barulho repentino ou a chegada de estranhos podem ser o estopim para o choro do medo. Tal episódio pode ser acompanhando por um salto e ter gritos angustiantes. Para solucionar, basta transmitir segurança ao bebê, pegando-o no colo e acalmando-o.

Frustração

Os bebês são determinados em aprender habilidades, mas podem se frustrar ao tentar realizar algumas atividades sem sucesso. Esteja atento a essas tentativas e caso seu bebê chore por não alcançá-las, vale a pena dar uma ajudinha.

Temperamento

Muitos bebês choram porque são mais emotivos e sensíveis. Tal fato pode não ter relação com desconfortos, mas sim com o temperamento do seu filho.

O bebê chora para expressar as mais variadas emoções e sentimentos. Contudo, nem sempre é fácil identificar o motivo e solucionar tal desconforto. As situações citadas acima são as principais causas de choro em crianças pequenas. No entanto, caso nenhuma dessas alternativas funcione, procure a ajuda de um pediatra para diagnosticar outras possíveis questões.

Texto: Andreza Almeida, bióloga, redatora e educadora perinatal

Foto: Cookie_studio / Freepik

Veja outras dicas sobre cuidados com o bebê no Blog da Baby Pima:



Postagem anterior Postagem seguinte


Deixe um comentário

Observe que os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados